LIVRO DE VISITAS - ASSINE POR FAVOR

quarta-feira, 30 de julho de 2008

A MARCHA DO APRENDIZ

PEÇA DE ARQUITETURA

A MARCHA DO APRENDIZ
Após o neófito receber a Luz, tornando-se Aprendiz Orientado, momento em que aprende a soletrar as Primeiras Palavras, e são ensinados os Primeiros Passos no Novo caminhar, quando então toma consciência de que é a Arte Real o principal objetivo da Maçonaria.

Como todos os demais integrantes da Instituição já realizaram, seus Primeiros Passos tem início na Porta do Templo em direção única do Ocidente para o Oriente, no eixo da loja, por três passos completos com os pés em esquadria, simbolizando a necessária e obrigatória retidão de conduta, que a partir de então deverá nortear toda sua Nova Vida.

Assim o PRIMEIRO PASSO da marcha de Aprendiz, simboliza sua Luta, sabedor que é representado pelo Cordeiro, animal do ardor e da coragem, demonstrando a disposição que deve ter um Aprendiz para dedicar-se aos conhecimentos de seu Grau.

O SEGUNDO PASSO simboliza a Perseverança, indicando que um Maçom deve ser forte e trabalhar com prudência e sem temor;

O TERCEIRO PASSO simboliza a Fraternidade, sendo considerado como o símbolo da Amizade e União, que deve aglutinar todos os Maçons.

Completado o Terceiro Passo, o Aprendiz chega vitorioso dos esforços que empregou, mais distanciado das trevas e iniqüidades da sociedade profana.

Também representam os três passos, o Nascimento, a Vida e a Morte, correlacionado com às provas físicas a que se submeteu no Cerimonial Iniciático, através da primeira, segunda e terceira viagem simbólica


Fonte:
D´Elia Junior, Raymundo - Maçonaria 100 Instruções de Aprendiz, Madras, Pag 79, 2007.


Irm:. Luis Genaro Ladereche Fígoli
M:.M:.
Loj:. Sim:. Palmares do Sul nro 213
G:.L:.R:.G:.S:.

9 comentários:

Célia disse...

Primeiro passo,representado pelo cordeiro.Ser bondosa,ser mansa e tenro,tem todo o sentido.Segundo passo temor eu tenho no sentido medo,pois tenho muitos traumas a serem curados.Sendo que tenho temor a Deus e isso deveria me tirar esse medo.Sempre oro pedindo mais fé.Terceiro passo esse não é difícil para mim.Só preciso separar o joio do trigo,pois já fui enganada por falsos amigos.A marcha do aprendiz nunca acaba.Obrigada por mais esse texto.

alisson disse...

Bom dia! Por favor qual loja é responsável por este blog?

Alberto Merletti disse...

Gostaria de saber de que potencia é e o nome da Loja ou do irmão responsavel
Obrigado

genaro figoli disse...

Meus IIrm.´., o artigo está assinado no final do mesmo, pelo responsável, contendo nome, e a Loja ao qual o Irm.´. pertence. Mais informações enviar e mail para luisgenaro@hotmail.com. TFA.

Cristiano Garcia disse...

estou iniciando na arte real, mas gostaria de uma orientação. É assim mesmo, essa orientação livre na internet, com descrições e tudo mais. Achei que a ritualística da maçonaria era dentro do templo. Estou surpresa da disseminação aos 4 ventos de nossas instruções....

Cristiano Garcia disse...

surpreso

Magnus Puchulu disse...

O conhecimento é livre e está sim aos quatro ventos, o que aprendemos em loja é como aplicar esse conhecimento e transformá-lo em sabedoria.

Marcelo Duque disse...

Não posso deixar de concorda com o ir.'. Cristiano Garcia. Sou de uma loja Centenário no Or.'. de Caruaru -Pernambuco. E temos algumas restrições sobre isto. não posso deixar de parabenizar o Ir.'. que postou o assunto, mais acho que ele com a sua inteligência, poderia cria um site fechado. apenas para IIr.'. .
como existia antigamente o comunidade maçônica, que só quem tinha acesso era quem soubesse das palavras do seu respectivo grau.Esta e minha humilde opinião e parabéns pelo trabalho.

Gêmeos disse...

Concordo com a sua inteligente opinião Marcelo! Informações gerais de procedimentos ritualísticos da nossa respeitável Ordem que dizem respeito somente aos iniciados,no seu respectivo Grau, deveriam ser rigorosamente sigilosos, distanciados do conhecimento profano.
Abração.
Geraldo Souto M.'.I.'.